COM MAIS DE 152 MIL PESSOAS, ACRE TEVE A 5ª MAIOR TAXA MÉDIA ANUAL DE INFORMALIDADE DA REGIÃO NORTE, EM 2019 (50,2%)

  • Home
  • Fique por dentro
  • COM MAIS DE 152 MIL PESSOAS, ACRE TEVE A 5ª MAIOR TAXA MÉDIA ANUAL DE INFORMALIDADE DA REGIÃO NORTE, EM 2019 (50,2%)

A taxa média de informalidade em 2019 para o Brasil ficou em 41,1% (38,4 milhões de pessoas) da população ocupada. Entre as unidades da federação, as maiores taxas médias anuais foram registradas no Pará (62,4%) e Maranhão (60,5%) e as menores em Santa Catarina (27,3%) e Distrito Federal (29,6%). Para a Região Norte as maiores taxas médias estão no Pará (62,4%), Amazonas (57,6%) e Amapá (54,3%) e as menores em Roraima (47,1%), Tocantins (47,9%) e Acre (50,2%). Os dados foram publicados em 14/02/2020, pelo IBGE, através da PNAD Contínua Trimestral. Os dados foram trabalhados pela equipe técnica do Observatório do Fórum Permanente de Desenvolvimento do Acre. Maiores informações, consultar o Boletim Trimestral da Força de Trabalho que já está publicado no site do Observatório. Para acessar a publicação click no link do perfil: http://observatoriodoacre.org.br/