EM OUTUBRO, VENDAS NO VAREJO DO ACRE CRESCERAM 3%, MAIOR ÍNDICE NO PAÍS

 

EM OUTUBRO, VENDAS NO VAREJO DO ACRE CRESCERAM 3%, MAIOR ÍNDICE NO PAÍS

Em outubro de 2021, o comércio varejista do Acre variou 3% em relação a setembro, na série com ajuste sazonal, enquanto no Brasil apresentou queda de -0,1%. O Acre apresentou a maior variação dentre os 27 estados e o Distrito federal. Houve predomínio de resultados positivos em 17 das 27 Unidades da Federação, sendo a maior alta registrado no Acre (3%). Em seguida vieram Alagoas (2,4%) e Rondônia (2,4%).

Por outro lado, no campo negativo, figuram 10 das 27 UFs, com destaque para Amapá (-2,8%), Roraima (-2,3%) e Rio de Janeiro (-2,2%). Na série sem ajuste sazonal, o comércio varejista caiu 5,6% frente a outubro de 2020. O acumulado no ano ficou em 6% e, o acumulado em 12 meses, também foi de 7,2%.

No comércio varejista ampliado, que inclui veículos, motos, partes e peças e de material de construção, o volume de vendas aumentou 2,2%, enquanto a variação do Brasil recuou 0,9% ante setembro. Frente a outubro de 2020, houve queda de 5,8%. No ano, o varejo ampliado acumula alta de 8,5% e, em 12 meses, as vendas subiram 9,7%. Houve predomínio de resultados negativos em 17 das 27 Unidades da Federação, com destaque para:m Rio de Janeiro (-5%), Amapá (-4%) e Goiás (-3,8%). Por outro lado, pressionando positivamente, figuram 10 das 27 Unidades da Federação, com destaque para Tocantins (8,1%), Alagoas (4,4%) e o Acre que, juntamente com o Rio Grande do Sul, cresceu 2,2%.

A equipe técnica do Observatório do Fórum Empresarial de Inovação e Desenvolvimento do Acre está elaborando o Boletim do Comércio Varejista de dezembro e irá publicá-lo brevemente no site forumdoacre.org.br/observatorio.