NO ACRE, DE 2015 A 2019, TAXA DE DESOCUPAÇÃO DE MULHERES PRETAS OU PARDAS FOI MAIOR QUE DAS BRANCAS

  • Home
  • Fique por dentro
  • NO ACRE, DE 2015 A 2019, TAXA DE DESOCUPAÇÃO DE MULHERES PRETAS OU PARDAS FOI MAIOR QUE DAS BRANCAS

 

 

O IBGE divulgou, no dia 4 deste mês, alguns indicadores sociais das mulheres no Brasil que analisam as condições de vida das brasileiras a partir de um conjunto de indicadores proposto pelas Nações Unidas. Segundo os dados publicados, no Acre, no período de 2015 a 2019, a taxa de desocupação das mulheres de 14 anos ou mais de idade pretas ou pardas foi superior àquelas de cor branca. A maior diferença ocorreu no ano de 2017, quando verificou-se que a taxa das pretas ou pardas foi de 18%, enquanto que de brancas foi de 12,3% (diferença de 5,7%). Na taxa são contabilizadas as pessoas que não têm trabalho, mas que estão à procura de um. Para mais informações sobre a economia acreana, acesse nosso site. http://observatoriodoacre.org.br/ .